Importante!

Este blog não tem propósito de indicar tratamentos para substituir cuidados médicos e medicamentos.Em caso de doença procure um médico e faça o tratamento corretamente.As dicas aqui descritas servem como terapia complementar e preventiva.




quarta-feira, 18 de abril de 2012

Florais e culpa




Para aqueles que nutrem sentimentos de culpa exagerados. Auto-condenação e recriminação, até quando o erro é dos outros. Remorso. Incapazes de se perdoar.
Florais de Minas: no sistema floral de Minas existem três essências que atuam sobre o sentimento de culpa:

a) Pinus (Pinus elliottii / Pinheiro). Sentimento de culpa de uma maneira geral.

b) Aristoloquia (Aristoloquia brasiliensis / Cipó-mil-homens). Quando o sentimento de culpa tem origem em motivos religiosos, como o pecado.

Quando a culpa e o remorso são tão fortes que geram autopunição.

c) Cassia (Cassia alata / Fedegoso-de-folhas-largas). Quando a culpa tem origem em atitudes que ferem os valores sociais, culturais e éticos. Vergonha, sentimento de impureza ou que é objeto de condenação e execração por parte das outras pessoas.

Os indivíduos que necessitam de Pine estabelecem para si objetivos e padrões de conduta os mais elevados. E eles dão o melhor de si para alcançá-los. Porém, culpam-se quando não atingem seus propósitos. São pessoas que constantemente sentem-se culpadas, sentem remorsos e arrependimento e se auto-condenam.

Para eles é difícil satisfazerem-se com o que conseguem realizar. Se consideram fracassados e culpados por não terem feito mais. Não se sentem merecedores de nada bom. Acham que não merecem a alegria, prêmios, prazeres e até serem felizes ou serem amados. A vida torna-se dura e triste. Uma frase comum é: "se eu tivesse me empenhado mais tal coisa não teria acontecido". Eles acreditam sempre há algo que poderiam ter feito que mudaria o destino das coisas.

Desculpam-se o tempo todo. Sentem-se desconfortáveis em várias situações, pois é como se estivessem em dívida para com os outros. Podem sentir, também, que estão desagradando ou prejudicando alguém. É comum se culparem pelo erro das outras pessoas.

Pine ajuda estas pessoas a se perdoarem. Promove um renascimento interior no qual a pessoa se vê como alguém digno, capaz de ser feliz e de fazer o bem. Pine ajuda-os a reconhecer que suas responsabilidades frente ao próximo terminam na liberdade que o outro tem de agir segundo seus próprios desígnios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário