Importante!

Este blog não tem propósito de indicar tratamentos para substituir cuidados médicos e medicamentos.Em caso de doença procure um médico e faça o tratamento corretamente.As dicas aqui descritas servem como terapia complementar e preventiva.




quinta-feira, 31 de julho de 2014



"Penso que devemos ouvir pelo menos uma pequena canção todos os dias, ler um bom poema, ver uma pintura de qualidade e, se possível, dizer algumas palavras sensatas.” E dentre essas palavras sensatas, escolhi a “coragem” para abordar no dia de hoje.
A palavra coragem é muito interessante. Ela vem da raiz latina cor, que significa “coração” e, na concepção de Osho (com a qual compactuo), ser corajoso significa viver com o coração. Os fracos, somente os fracos, vivem com a cabeça; receosos, eles criam em torno si uma segurança baseada na lógica. Com medo, fecham todas as janelas e portas (com conceitos, palavras e teorias) e do lado de dentro dessas portas e janelas, eles se escondem.
O caminho do coração é o caminho da coragem. É viver no amor e confiar, é enfrentar o desconhecido. É deixar o passado para trás e deixar o futuro ser.
Coragem é seguir trilhas perigosas. A vida é perigosa! E só os covardes podem evitar o perigo – mas aí já estarão mortos.
A pessoa que está viva, realmente viva, sempre enfrentará o desconhecido. O perigo está presente, mas ela assumirá o risco. O coração está sempre pronto para enfrentar riscos; o coração é um jogador. A cabeça é um homem de negócios. Ela sempre calcula – ela é astuta. O coração nunca calcula nada e acerta sempre!"


Nenhum comentário:

Postar um comentário