Importante!

Este blog não tem propósito de indicar tratamentos para substituir cuidados médicos e medicamentos.Em caso de doença procure um médico e faça o tratamento corretamente.As dicas aqui descritas servem como terapia complementar e preventiva.




quarta-feira, 9 de julho de 2014

Solidão infantil

Realidade em diferentes momentos e em diferentes espaços. A solidão infantil é algo que o adulto, quando anestesiado pela vida, torna-se incapaz de reconhecer naqueles pequeninos que estão tão próximos, e entregues aos seus cuidados.
Podemos tentar jogar a culpa em diversas coisas, como o tempo que passamos trabalhando, ou então a diminuição do número de filhos que as famílias possuem hoje, também nas sedutoras babás eletrônicas (tv e internet), ou ainda nos perigos de deixar as crianças conviverem com seus vizinhos e amigos de fora da casa. E essas dificuldades são reais, mas como diz a sabedoria popular, quem quer faz, quem não quer arruma desculpa.
Vejam bem pais apáticos: nada substitui o contato humano. E por contato humano não basta morarem sob o mesmo teto, é preciso que haja interação, diálogos, interesse, atividades em conjunto, brincadeiras… relações afetivas de qualidade!
Pais autoritários, prestem atenção: relação de mão única não existe. Se vocês tivessem realmente autoridade, não precisariam se valer do lema “cale a boca, quem manda sou eu!”. Para ter respeito é preciso ser admirado. Respeito se aprende mais por modelo do que por imposição.
Pobres crianças, tantos brinquedos e ninguém com quem brincar!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário